Nessa na ultima quarta-feira (18), policiais civis da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos – DRCC/PCDF deflagraram a terceira fase da operação “Coleciona-Dores”, em desfavor de suspeito envolvido no cometimento de crimes envolvendo pornografia infanto-juvenil. A operação, que contou com apoio do Instituto de Criminalística/IC, é consequência de uma série de outras apurações de crimes de pedofilia e pornografia envolvendo crianças e adolescentes.

Nesse sentido, após autorização judicial, os agentes cumpriram Mandado de Busca e Apreensão (MBA) em endereço localizado no Jardim Botânico. Um dos suspeitos em flagrante delito. Na casa objeto da busca, a equipe encontrou materiais relacionados à pedofilia infantil armazenados em HD externo de informática. O preso tem 62 anos e é empregado público de uma sociedade de economia mista.

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido até a DRCC para a tomada das providências cabíveis. Em razão dos elementos coletados, ele será indiciado nas penas do art. 241-B, Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990.
Assessoria de Comunicação/DGPC

#PCDFemAção
PCDF, excelência na investigação

Da redação do Portal de Notícias do Blog do Carlindo Medeiros