Foto da internet
Na tarde desta ultima terça -feira, o trânsito foi liberado na alça de saída do viaduto do Taquari, no sentido da pista nova e da cidade de Sobradinho.

Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) liberou, na tarde desta terça-feira (9/3), a sexta etapa da obra de ligação Torto-Colorado. Foi concluída a alça de saída do viaduto do Taquari, no sentido da pista nova e da cidade de Sobradinho, Sobradinho II, condomínios e Fercal. A circulação de veículos nesse trecho já está autorizada.

O acesso ao Taquari sentido Brasília está liberado há quatro meses. No entanto, o tráfego rumo a Sobradinho continuava bloqueado para serviços de sinalização, instalação de dispositivos e defensas metálicas.

O primeiro trecho, o acesso à DF-150 por dois novos viadutos, foi liberado em abril de 2019. No mês seguinte houve a liberação dos acessos do Balão do Colorado ao Lago Oeste; e, em setembro do mesmo ano, o 3º trecho, com 5,2 km de extensão da via marginal entre o Torto e o Colorado, no sentido Sobradinho-Brasília.

O primeiro trecho, o acesso à DF-150 por dois novos viadutos, foi liberado em abril de 2019. No mês seguinte houve a liberação dos acessos do Balão do Colorado ao Lago Oeste; e, em setembro do mesmo ano, o 3º trecho, com 5,2 km de extensão da via marginal entre o Torto e o Colorado, no sentido Sobradinho-Brasília.

Segundo ele, por ser uma obra muito grande, o trecho é liberado depois de cada etapa concluída.

O 4º trecho liberado foi o acesso ao Taquari, seguido do viaduto do Balão do Torto, que possibilita o deslocamento para quem trafega pela Estrada Parque Indústria e Abastecimento (Epia/DF-003) em direção ao Eixo Rodoviário (DF-002) e à Asa Sul.

Histórico da obra

A ligação Torto Colorado está com 98% do cronograma cumprido. A 7ª e última etapa envolve a finalização do encabeçamento do viaduto Engenheiro Antônio Gomes Filho, a implantação da pavimentação asfáltica, além da instalação de guarda-corpos e da sinalização horizontal e vertical. Deve ser totalmente finalizada em abril deste ano.

A obra teve início em 2014 e conta com 100 operários, com investimento total estimado em R$ 90 milhões. O DER-DF já finalizou as etapas de terraplenagem, drenagem, pavimentação, colocação de meios-fios e sarjeta, além da finalização de aproximadamente 5,2 quilômetros de ciclovias. Foi executada ainda a construção de uma ponte e de 10 viadutos. As informações são do DER-DF