Data de Nascimento: Antônio Dias do Santos, nasceu em 07 de junho de 1948, na cidade de Vera Cruz, no interior do Estado da Bahia.


Resumo histórico da Carreira de Jogador de Futebol: Começou em Salvador. jogando no São Cristovão AC, vindo a se  profissionalizar  em 1967, no Galícia EC, também de Salvador,  já atuando na posição que o consagrou a de  Lateral-direito, ficou no clube baiano até 1967, quando recebeu sua grande chance ao ser contratado pelo Fluminense FC do Rio de Janeiro. Na cidade maravilhosa teve um início complicado, apóssofrer um acidente  de automóvel.Foi sacado do time titular, e nas poucas vezes que atuava sentia dores e muitas câimbras. Com a chegada do Técnico Paulo Amaral, as coisas mudaram para melhor, se tornando um jogador polivalente atuado tanto na defesa como no ataque, ora pela esquerda, ora pela direita, se tornando um jogador imprescindível para o esquema tático do exigente treinador. Conquistou os títulos cariocas de 1971 e  1975,  o Campeonato Brasileiro de futebol de 1970, já tendo como  treinador  Telê Santana. Era muito elogiado pelo craque Carlos Alberto Torres  que deu declarações afirmando que Toninho Baiano seria seu substituto no futebol. No Fluminense permaneceu por cinco temporadas. Sua saída do Tricolor Carioca foi motivada por atritos com o técnico Didi que havia dito que o jogador sofria de um bloqueio mental, afirmação muito injusta para com um jogador da categoria de Toninho Baiano. Na época, o Presidente do time tricolor era o Sr. Francisco Horta conhecido por fomentar o famoso troca-troca com a finalidade de motivar os clubes e tornar o futebol mais atraente e competitivo. Toninho foi jogar no Flamengo, juntamente com os jogadores Roberto e Zé Roberto em troca por Rodrigues Neto e  Doval. Toninho não foi bem recebido pelos torcedores rubros negros, o acusavam de ser responsável pela saída do ídolo Doval   Não demorou muito para mudar esse cenário junto a torcida. Em 1977, Toninho já era visto pela mídia como um dos melhores laterais direitos do futebol brasileiro, jogou quatro anos no Flamengo, tendo participação efetiva na conquista do tricampeonato carioca. (1978, 1979 e 1980) e do Campeonato Brasileiro  de 1980. Na Seleção Brasileira disputou a Copa do Mundo FIFA de 1978,  realizada na Argentina. No exterior foi jogador do Al Nassr da Arábia Saudita, onde permaneceu até ocorrer desentendimentos com o Clube árabe em função da mal sucedida  transferência para outro Clube local. Retornou ao Brasil, porém ficou impedido de continuar jogando, por ainda ter vinculo contratual junto ao Clube árabe que exigia um valor impagável para liberá-lo. Mesmo assim, conseguiu uma liminar e ainda jogou quatro partidas pelo Bangu. A liminar foi cassada e Toninho Baiano encerrou prematuramente sua carreira. Aposentou-se aos 34 anos passando a se dedicar a sua loja de material de construção.



Seleção Brasileira de 1978

Em pé: Toninho Baiano, Leão, Oscar. Edinho, Toninho Cerezo, Amaral e o Preparador Físico Ademildo Chirol.

Agachados:  Massagista Nocaute Jack, Tarcisio.  Zico, Reinaldo, Rivelino e Dirceu.

Toninho Baiano  de  1977 a 1982 Jogou nos seguintes Clubes:

Galícia

Fluminense

Flamengo

Al Nassr

Bangu

Seleção

C:\Users\Casa\Desktop\150px-CBD.png

Bahia

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

Arábia Saudita

Rio de Janeiro

Brasil



Principais títulos conquistados por Toninho Baiano:

Clube

Competição

Temporada

Galícia

Campeonato Baiano

1968.

Fluminense

Campeonato Brasileiro

1970.

Campeonato Carioca

1971, 1973 e 1975.

Torneio Internacional de Verão - RJ

1973.

Flamengo

Torneio Palma de Mallorca – Espanha.

1978.

Campeonato Brasileiro

1980.

Campeonato Carioca

1979 e 1980.

Trofeu Ramon Carranza - Espanha

1979 e 1980.

Al Nassr

Liga da Arábia Saudita

1981.

Copa da Arábia Saudita

1981.


Falecimento: Antônio Dias dos Santos o Toninho Baiano, faleceu no dia 08 de dezembro de 1999, aos 51 anos na cidade de Salvador capital do Estado da Bahia.


Coluna do Vidal